Inocêncio quer ficar entre os oito

O objetivo de Matheus Inocêncio é tentar ficar entre os oito do ranking mundial dos 110 m com barreiras e garantir o convite para disputar a Final Mundial do Atletismo, em Mônaco, dias 9 e 10 de setembro. O atleta, que ficou em 8.º lugar na prova, no Mundial de Helsinque, disputa nesta terça e quarta-feira, a Universíade da Turquia. "É um torneio que tem uma pontuação muito grande para o ranking", afirma o técnico Marcelo Lima. Na sexta, Matheus já estará em Zurique (SUI), para um Grand Prix da Golden League, em busca de mais pontos. Ainda disputa o GP de Linz (AUT), dia 23, e outra etapa da Golden League em Bruxelas (BEL), dia 26. Talvez ainda corra nas provas italianas de Rovereto e Rieti. Matheus, da Fadenp, de São José dos Campos, não voltará para o Brasil - tem uma base na cidade italiana de Siena, onde permanecerá treinando para os torneios que tem pela frente. Marcelo afirma que Matheus, que foi sétimo na Olimpíada de Atenas, no ano passado, ficou decepcionado com o oitavo lugar do Mundial porque sabe que poderia ter competido melhor. "Nosso trabalho foi para ir à final, mas ele queria ficar entre os cinco primeiros", explicou. O barreirista Matheus, que costuma crescer durante a corrida, fez uma largada tão rápida que não soube administrar a rapidez. Quando chegou na quarta barreira, bateu o pé de rebote (na saída), e seu corpo foi para trás. "Teve um pequeno desequilíbrio. Acho que não esperava largar tão rápido porque ele é do tipo que cresce durante a prova", explicou. Marcelo Lima não integrou a delegação oficial do Brasil - informou que gastou cerca de US$ 2 mil, para comprar a credencial de técnico pessoal (US$ 350) e com a viagem. Ainda gastou com alimentação, pois não recebeu do presidente da Federação Paulista de Atletismo, Antonio Fernandes, tíquete avulso para almoçar no restaurante da Vila dos Atletas. "O bom é que o trabalho apareceu. Nunca colocamos ?se? no nosso trabalho quando fixamos um objetivo."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.