Inter festeja retorno do maestro D'Alessandro

O meia D"Alessandro volta ao Internacional hoje, contra o Goiás, no Beira-Rio, depois de ficar fora de três jogos por estar na seleção argentina. O retorno é festejado pelo técnico Celso Roth, que considera o jogador uma espécie de maestro, daqueles capazes de ditar o ritmo do time com seus dribles, passes e lançamentos.

Elder Ogliari, O Estado de S.Paulo

12 de setembro de 2010 | 00h00

O meia argentino entra no lugar de Rafael Sóbis, que sofreu contusão na derrota para o Cruzeiro (1 a 0) e ficará afastado por cerca de um mês.

Sem D"Alessandro, a equipe gaúcha conseguiu apenas 50% de aproveitamento (uma vitória, um empate e uma derrota). "Ele volta para dar ritmo ao time, junto com Tinga e Giuliano. Juntando esses três, com muita qualidade, mais a cobrança por penetração e finalização, a probabilidade é de bom desempenho", disse o técnico Celso Roth.

Leandro Damião tem mais uma chance entre os titulares, no lugar de Alecsandro, afastado por lesão. Graças à série de opções que tem no grupo, o treinador não vem alterando o esquema 4-5-1. O meia adiantado, com a tarefa de se aproximar do centroavante, agora será Giuliano.

O Goiás é o lanterna do campeonato, mas recuperou um pouco de confiança após a vitória sobre o Guarani (3 a 1). "Não basta apenas jogar bem ou ganhar uma partida", disse o treinador Jorginho. "Também vamos precisar de otimismo."

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.