Internado, De La Hoya admite que precisa ser mais saudável

Oscar de La Hoya está internado em uma clínica de recuperação há algumas semanas na Califórnia. A informação foi veiculada pelo site TMZ e confirmada por assessores do ex-campeão mundial em seis categorias e atual dono da empresa Golden Boy Promotions, que cuida da carreira de mais de cem pugilistas.

Wilson Baldini Jr., O Estado de S.Paulo

23 de maio de 2011 | 00h00

Uma fonte próxima à lenda do boxe afirmou ao TMZ que ele se internou "voluntariamente para sair uma pessoa mais forte e saudável". Um comunicado assinado por De La Hoya foi apresentado à imprensa: "Depois de fazer uma avaliação honesta de mim, eu reconheço que há certas questões que eu preciso trabalhar. Como todos, tenho minhas falhas, e eu não quero ser uma daquelas pessoas que têm medo de admitir e lidar com essas falhas", disse De La Hoya, de 38 anos.

Os rumores de que a saúde dele não estava boa aumentaram por causa de sua ausência na luta entre Bernard Hopkins e Jean Pascal, em Montreal. Hopkins é empresariado por De La Hoya.

Campeão dos superpenas, leves, meio-médios-ligeiros, meio-médios, médios-ligeiros e médios, além de medalha de ouro nos Jogos de Barcelona/1992, De La Hoya ainda escreveu: "Sempre encarei todos os desafios de frente, e isso não será diferente. Estou confiante de que com o apoio da minha família e amigos eu me tornarei mais forte, mais saudável como pessoa. Peço respeito e privacidade."

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.