Arquivo/AE
Arquivo/AE

Isinbayeva diz que sua maior adversária é ela mesma

'Cada vez mais tenho ficado sozinha nas competições, e só o apoio da torcida e do meu técnico me ajudam'

EFE

31 de março de 2009 | 11h27

A atleta russa Yelena Isinbayeva, atual campeã olímpica e detentora de 26 recordes mundiais do salto com vara, afirmou nesta terça-feira que sua principal adversária é ela mesma.

"Não tenho adversárias sérias, minha principal adversária sou eu mesma. Minha motivação vem das pessoas que amam o esporte, especialmente das crianças", disse a atleta.

"Cada vez mais tenho ficado sozinha nas competições, e só o apoio da torcida e do meu treinador (Vitaly Petrov) me ajudam", completou, em entrevista ao site da Associação Internacional de Federações de Atletismo (IAAF, em inglês).

Após quebrar este ano a barreira dos cinco metros também em disputas indoor, a russa estabeleceu suas prioridades em termos de calendário: o Mundial de Berlim, todas as etapas da Golden League e os três meetings do Grand Prix que melhor se adaptarem às datas.

Isinbayeva também falou sobre a visita a Volgogrado, sua cidade natal, ao final da temporada em pista coberta. "Gostei muito de voltar a ver minha família e amigos porque passo muito tempo treinando em Mônaco e na Itália, onde o clima é melhor", explicou.

A atleta contou que treina duas vezes ao dia, e que dorme entre as sessões. Ao final da segunda, ela confessou que não consegue fazer nada, apenas ver televisão.

"Não tenho tempo nem energia para sair. Sós nos fins de semana que tenho tempo de ir ao cinema, fazer compras, ler um livro ou simplesmente fazer algo novo", contou.

Perguntada sobre seu desempenho, ela garantiu que desconhece seus limites. "Sou muito ambiciosa, e para mim é importante competir quantas vezes puder. Se não estivesse convencida de que posso continuar, teria me aposentado", destacou a russa, cujas melhores marcas são de 5 metros (indoor) e 5m05 (ar livre).

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.