Divulgação
Divulgação

Italiano é flagrado no doping nos Jogos Paralímpicos de Inverno de Sochi

Igor Stella, atleta do hóquei, está suspenso por 18 meses de competições oficiais

Agência Estado

13 de março de 2014 | 16h13

SOCHI - O Comitê Paralímpico Internacional (IPC, na sigla em inglês) anunciou nesta quinta-feira um caso de doping nos Jogos Paralímpicos de Inverno de Sochi, na Rússia. O italiano Igor Stella foi suspenso por 18 meses e levou multa de 1.125 euros (cerca de R$ 3,6 mil).

Stella, jogador de hóquei paralímpico, testou positivo para um esteroide flagrado em uma amostra de urina coletada três dias antes do início dos Jogos. A substância é proibida pela Agência Mundial Antidoping.

De acordo com o IPC, o "painel aceitou a explicação do atleta de que a substância não serviu para melhorar seu desempenho". O atleta alegou que teria absorvido o esteroide ao utilizar uma pomada para tratar um problema na coluna, que o impede de competir no hóquei tradicional.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.