Jacqueline Silva abandona etapa do Mundial de surfe após acidente

SYDNEY - Um acidente de trânsito obrigou a brasileira Jacqueline Silva a abandonar a Rip Curl Pro, segunda prova do campeonato mundial de surfe e que é disputada no sul da Austrália, informou a imprensa local nesta quarta-feira.

EFE,

20 de abril de 2011 | 10h13

O carro que levava a surfista, de 31 anos e nona do ranking feminino, colidiu contra outro veículo quando se dirigia à lendária Bells Beach, no estado de Victoria, onde a competição é disputada.

De acordo com a organização, Jacqueline está internada em um hospital da cidade de Geelong, onde se recupera dos ferimentos que podem incluir uma fratura no ombro e uma lesão no joelho.

O porta-voz da Rip Curl Pro, Dane Smith, disse que a informação médica "não está 100% confirmada, mas ela teve que abandonar o evento em consequência dessas lesões".

A brasileira será substituída pela surfista local Nikki Van Dijk.O campeonato teve início nesta terça-feira e seguirá até 30 de abril no sul da Austrália.

Tudo o que sabemos sobre:
surfeJaqueline SilvaMundialacidente

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.