Nilton Fukuda/AE-28/06/2012
Nilton Fukuda/AE-28/06/2012

Jadson dá boas-vindas a Ganso e avisa: tem lugar para os dois

Meia são-paulino entende que reforço é importante, mas alerta que o jogador que virá do Santos terá de brigar por espaço no time

PAULO GALDIERI, O Estado de S.Paulo

17 de setembro de 2012 | 03h01

A iminente chegada de Paulo Henrique Ganso ao Morumbi já causa mudanças no comportamento do elenco do São Paulo. Jadson, um dos mais diretamente afetados pela contratação do meia santista, deu o recado dentro e fora de campo.

Contratado para ser o principal articulador do time, o camisa 10 falou que não está disposto a perder espaço para Ganso no time. "Aqui temos jogadores de grande qualidade e ele vai ser mais um que terá que brigar por seu espaço. Os jogadores do nosso meio de campo estão fazendo todos um bom trabalho", disse o meia.

Jadson afirmou, no entanto, que não acredita que a entrada de Ganso signifique necessariamente a sua ida para a reserva. "Eu joguei junto com o Ganso na Copa América do ano passado, na seleção brasileira, e não teve problema nenhum. Mas isso é uma coisa que é o técnico (Ney Franco) quem terá que definir no dia a dia. É bom ter mais um grande jogador e ele vai nos ajudar muito."

As declarações firmes de Jadson aconteceram depois da vitória por 3 a 1 contra a Portuguesa, na noite de sábado. Ao lado de Lucas, ele foi destaque, com passes precisos e participação ativa na armação do time durante toda a partida.

Desde que chegou ao Morumbi, Jadson não conseguiu manter uma regularidade. No Brasileiro, ele tem oscilado entre grandes jogos, como o de sábado, com partidas em que fica sumido, como ocorreu na última quarta-feira, diante do Atlético-MG.

Em contrapartida, ele é o são-paulino mais resistente do elenco. Jadson é o único que participou de todas as partidas da equipe no Brasileiro.

Jadson, ao lado de Luis Fabiano, Rhodolfo e Lucas, ficará fora do time nos próximos dias. Ele se apresenta hoje à seleção brasileira para o amistoso de quarta-feira contra a Argentina, no Estádio Serra Dourada, em Goiânia, e só volta a treinar com os companheiros de São Paulo na quinta-feira, quando o clube espera já ter apresentado Paulo Henrique Ganso oficialmente.

Tudo o que sabemos sobre:
FutebolSão Paulo FCGansoJadson

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.