Jadson, o brasileiro que venceu a lenda Slater

Deixar o americano Kelly Slater para trás é privilégio de poucos. Imagine, então, superá-lo e, de quebra, ganhar o título de uma etapa do Circuito Mundial de Surfe. O protagonista desta façanha foi o potiguar Jadson André. No ano passado, ele derrotou Slater, decacampeão mundial, e conquistou a etapa de Imbituba, em Santa Catarina. Até hoje não se esquece da façanha e espera fazer história novamente, desta vez na praia da Barra da Tijuca, na zona oeste do Rio.

Bruno Lousada / RIO, O Estado de S.Paulo

15 de maio de 2011 | 00h00

"É um campeonato totalmente diferente. Aqui você não pode escolher muito as ondas, tem de estar preparado para qualquer condição de mar, mas estou surfando sem pressão de ter de vencer", disse Jadson André. "Quero apenas surfar e passar pelas baterias. Foi assim que eu fiz em Imbituba. É assim que faço em todos os campeonatos que participo", disse, com a certeza de que tem pode repetir a dose.

Kelly Slater é assunto até quando não está na água. Após ser eliminada precocemente no circuito, a surfista Andrea Lopes definiu o americano "como um profissional completo", o melhor que já viu em ação.

"Ele é completo. E não somente na parte técnica. É forte também no preparo físico e mental", afirmou ela.

Muitos fãs circulam em frente ao hotel onde Slater está hospedado, na orla da praia da Barra, em busca de autógrafos e fotos. O astro é, sem dúvida, a grande atração do evento. "Estou muito feliz de voltar a competir aqui", declarou Slater.

A competição ontem foi novamente adiada por causa das pequenas ondas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.