Japonês quebra recorde nos 100m peito

O nadador japonês Kosuke Kitajima venceu nesta segunda-feira a prova dos 100m peito do Mundial de Esportes Aquáticos de Barcelona e, de quebra, estabeleceu o recorde mundial da prova. Kitajima conseguiu a marca de 59s78 e superou com folga o recorde anterior, de 59s94, que estava em poder do russo Roman Sloudnov. A medalha de prata ficou com o norte-americano Brendam Hansen (1:00.21) e o bronze foi para o britânico James Gibson (1:00.37)A americana Jenny Thompson, por sua vez, conquistou a medalha de ouro na prova de 100 metros crawl, com um tempo de 57s96, mas ficou longe do recorde mundial que está nas mãos da holandesa Inge de Bruijn (56s61) obtido nos Jogos Olímpicos de Sydney. A polonesa Otylia Jedrzejczak foi medalha de prata (58.22) e Martina Moravcova (ESQ) foi bronze, com a marca de 58.24.Na prova de 200 metros 4 estilos feminino, a vencedora foi a ucranianaYana Klochkova. Ele fez o tempo de 2min.10s.75 e ficou com a medalha de ouro. A prata foi para a australiana Alice Mills e o bronze ficou com a chinesa Zhou Yafei.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.