Gero Breloer/AP
Gero Breloer/AP

Jaqueline Mourão celebra participação no biatlo em Sochi

Atleta é a primeira brasileira a competir nessa modalidade em uma Olimpíada

Agência Estado

09 de fevereiro de 2014 | 18h29

SOCHI - Na estreia brasileira nos Jogos Olímpicos de Inverno de Sochi, Jaqueline Mourão conseguiu apenas a 77.ª colocação entre as 84 participantes da prova de 7,5km do biatlo (combinação de tiro com esqui cross country). Mas ela comemorou bastante a sua performance neste domingo, como única atleta latino-americana na disputa e a primeira do Brasil a competir nessa modalidade numa Olimpíada.

"Estou muito contente com a minha prova. Esta é a primeira vez que o Brasil tem um representante no biatlo e eu saio daqui feliz por ter conseguido uma performance muito boa no tiro. A prova foi muito forte", disse Jaqueline. "É um orgulho muito grande você ver que o Brasil é o único país de toda a América Latina disputando a modalidade na Olimpíada. Somos um país tropical, que não tem neve, mas somos capazes de poder classificar para os Jogos e competir em alto nível. Isso é recompensador."

"O biatlo é um esporte apaixonante. A torcida participa, vibra com os acertos no tiro. É muito emocionante. Até o último tiro você não sabe quem vai ganhar. É um esporte que cativa muito por misturar a performance física e a do tiro. A partir de agora, o brasileiro vai começar a entender esse ambiente", contou Jaqueline, que foi a porta-bandeira do Brasil na cerimônia de abertura dos Jogos de Inverno, na última sexta-feira, e ainda vai disputar prova de cross country em Sochi.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.