Jean Azevedo termina em sétimo na 8ª etapa do Rally Dakar

Depois de cair quase 70 posições na classificação geral por causa de um problema elétrico na sua moto, na sexta etapa do Dakar 2007, o piloto brasileiro Jean Azevedo começa a se recuperar e fez o sétimo melhor tempo da oitava etapa da competição, neste domingo. Disputada entre as cidades de Atar e Tichit, na Mauritânia, esta etapa do rali possui o maior trecho especial (cronometrado) da prova, com 589 km. O brasileiro percorreu o trajeto em 8h25min09s, e o sétimo lugar no dia deve lhe dar um ganho considerável de posições na soma dos tempos, permitindo que ele fique entre as 40 melhores da competição.O vencedor da etapa foi o espanhol Marc Coma que marcou 7h46min13s, aumentando para quase 1 hora sua vantagem como líder da classificação geral. No trajeto, ocorreram mais desistências. O português Ruben Faria, vencedor da primeira etapa do Dakar 2007, abandonou a prova depois do motor de sua moto quebrar. O brasileiro Dimas Mattos cruzou o final da especial com o 51.º tempo, mantendo-se na 42.ª posição da tabela. Carlos Ambrósio fez a 55.ª marca, e está em 57.º na geral.De Villers amplia vantagem nos carrosGiniel de Villers fez o melhor tempo do dia e de toda a classificação do Dakar. O piloto sul-africano levou 7h31min52s para percorrer os 589 km do percurso e ainda contou com a sorte, já que o carro do seu principal concorrente, o espanhol Carlos Sainz, teve problemas na direção.A diferença entre os dois, que era de menos de 2 minutos, agora já é maior que uma hora. Sainz, inclusive, caiu para a quarta posição. O francês Stephane Peterhansel assumiu a vice-liderança ao percorrer o trajeto aproximadamente 31 minutos atrás do sul-africano. O atual campeão, Luc Alphand, ocupa a terceira colocação.A etapa marcou a reação da Mitsubishi, vencedora das últimas seis edições do Dakar. Na primeira metade da prova, a classificação foi dominada pela Volkswagem, que ocupou as quatro primeiras posições. No término da prova, o Touareg de Giniel de Villers continuou na liderança, seguido por dois Mitsubishi Pajero.Klever Kolberg e Eduardo Bampi, da Equipe Petrobras Lubrax, ainda não terminaram o trecho especial (cronometrado), assim como os brasileiros Paulo Nobre ?Palmeirinha? e a dupla Riamburgo Ximenes / Lourival Roldan.

Agencia Estado,

14 de janeiro de 2007 | 18h42

Tudo o que sabemos sobre:
rally dakar

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.