Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE
Adam Hunger/Reuters
Adam Hunger/Reuters

Jets vence Patriots por 28 a 21 e faz a final da Conferência Americana da NFL

Equipe de Nova York agora enfrenta o Steelers por uma vaga no Super Bowl XLV, em Dallas

estadão.com.br

17 de janeiro de 2011 | 00h06

O New York Jets manteve sua palavra e venceu o favorito New England Patriots por 28 a 21 na noite deste domingo, na casa do rival, para chegar à final da Conferência Americana da NFL. Agora seu adversário será o Steelers, em Pittsburgh, por uma vaga no Super Bowl XLV, que será disputado no dia 6 de fevereiro, em Dallas.

 

Veja também:

linkBears bate Seahawks e pega o rival Packers por vaga no Super Bowl XLV

Durante a semana que antecedeu o jogo, os jogadores do Jets assumiram uma postura agressiva ao criticar seus adversários de New England. Muitos críticos norte-americanos acreditaram que tal tática seria um tiro no pé, mas não foi o que se viu em campo.

Confiante e aquém do barulho da torcida adversária, a equipe de Nova York mandou na partida, principalmente através de sua secundaria, limitando as opções de arremesso para o quarterback Tom Brady. Melhor para o quarterback Mark Sanchez, que arremessou para 194 jardas e três touchdowns, seu recorde pessoal em playoffs. Detalhe: este e apenas o segundo ano do jogador na NFL, e já soma quatro vitórias em pós-temporada, que é a melhor marca da historia de um quarterback do Jets.

Mesmo sofrendo um field goal no primeiro período, o Jets manteve a calma e virou a partida para 14 a 3 com dois touchdowns no segundo período. Brady recolocou sua equipe no terceiro tempo com um touchdown e ma conversão de dois pontos, fazendo a vantagem do adversário cair para apenas três pontos.

A pressão do Patriots não assustou o Jets, que novamente abriu vantagem com um touchdown incrível no ultimo período, quando Santonio Holmes fez uma recepção praticamente impossível no final da end zone.

Com 21 a 11 no placar, o Patriots partiu para o tudo ou nada. Após converter um field goal e cortar a diferença para sete pontos, um onside kick foi tentado, mas a bola ficou com a equipe de Nova York que, novamente com muita calma, marcou mais um touchdown. Brady ainda levou seu time a mais sete pontos no placar, mas já era tarde. Jets 28 a 21 e uma vaga na final da Conferência Americana. Para o time de New England - favorito disparado ao titulo do Super Bowl - fica o gosto amargo da terceira derrota consecutiva em playoffs.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.