Reuters / Matthew Childs
Reuters / Matthew Childs

Jogador de rúgbi é demitido de time francês após uso de palavras racistas contra adversário

Ludovic Radosavljevic admitiu ter chamado jogador camaronês de 'comedor de banana' durante partida no dia 3 de setembro

Redação, AFP

03 de novembro de 2021 | 17h03

Uma equipe de rúgbi da segunda divisão da França demitiu um de seus jogadores por ele ter usado palavras racistas ao se referir a um adversário, de acordo com informações obtidas pela agência de notícias AFP nesta quarta-feira. Ludovic Radosavljevic foi demitido do time Provence Rugby, da cidade de Aix-en-Provence, ao reconhecer ter usado termos racistas contra um jogador da equipe do Nevers

No dia 3 de setembro, na partida entre sua equipe e o Nevers (26-23), Radosavljevic teve uma discussão com o camaronês Chris Ambadiang. Após o jogo, sem citar o adversário, o jogador africano afirmou nas redes sociais que foi chamado de "comedor de banana".  Três dias depois,  Radosavljevic, de 32 anos, assumiu que usou termos racistas contra o camaronês, que ele próprio considerou "inaceitáveis". 

“Isso não faz parte dos meus valores nem dos que transmito aos meus filhos, sou um ser humano que comete erros e aprende com eles”, concluiu em mensagem postada em sua conta no Instagram. 

Antes desta demissão, o Provence Rugby especificou em um comunicado que iria "ter uma reunião com o jogador para aplicar sanções proporcionais à gravidade dos eventos". Radosavljevic foi punido em 16 de setembro pela comissão disciplinar da federação francesa de rúgbi com uma "suspensão de 26 semanas das partidas oficiais da competição". 

De acordo com a entidade, o jogador não sofreu uma sanção mais severa por ter reconhecido "espontâneamente os fatos" e por ele não ter nunca cometido uma infração anteriormente.

Tudo o que sabemos sobre:
racismorúgbi

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.