Jogadores ignoram ''bate boca'' entre Valdivia e Luan

Os jogadores do Palmeiras preferiram não comentar a discussão entre Valdivia e Luan. "O importante foi que o time ganhou e continua líder, independentemente de qualquer discussãozinha", disse Marcos Assunção, ontem o capitão, pois Kleber não jogou.

, O Estado de S.Paulo

10 de abril de 2011 | 00h00

O goleiro Deola também minimizou o bate-boca: "Foi um lance isolado. A equipe está mostrando muita humildade, esse é o segredo do Palmeiras", afirmou.

Luan disse que a discussão foi "coisa de jogo"". "Teve uma jogada que ele não gostou e falou coisas que eu não gostei. Mas foi dentro de campo e não sai de lá.""

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.