, O Estado de S.Paulo

29 de outubro de 2010 | 00h00

Ganso pede R$ 500 mil por novo contrato

Salário mensal de R$ 500 mil e redução de 10 milhões (R$ 23 milhões) no valor da multa contratual em troca da prorrogação do contrato atual (passando de 28 de fevereiro para 31 de dezembro de 2015) e cessão dos direitos individuais de imagem. Essa é a contraproposta de Paulo Henrique Ganso ao Santos. O clube ofereceu R$ 1,5 milhão (dividido em parceladas mensais de R$ 125 mil), além dos R$ 150 mil por mês do salário atual, para ter 70% direitos de imagem do jogador, mas reluta em atender ao pedido salarial e a negociar o valor da multa de 50 milhões para 40 milhões.

SÉRIE B

Lusa não joga a toalha e luta pelo acesso

Mesmo a 9 pontos do G-4, a Portuguesa segue acreditando no acesso e hoje, às 21 horas, enfrenta o ASA, em Arapiraca. Outros jogos: Paraná x Bahia, Brasiliense x Icasa e Náutico e Guará.

FUTEBOL ESPANHOL

Zidane vai ser mentor de Mourinho no Real

Zinedine Zidane (foto) vai voltar ao Real Madrid, mas não para jogar. O francês será mentor do técnico José Mourinho em alguns jogos da Copa dos Campeões e do Espanhol. Mourinho trabalhou com o português Luís Figo na Inter de Milão.

TÊNIS

Carioca "sueco" na semi do Challenger de SP

Christian Lindell, brasileiro que joga pela Suécia, chegou às semifinais do Challenger de São Paulo. Bateu Yuri Schukin: 4/6, 6/3 e 6/4. Testa a boa fase contra Thomaz Bellucci, que passou por Leonardo Tavares (duplo 6/3).

UFC

Modalidade anuncia criação de 2 categorias

O Ultimate Fighting Championship (UFC) anunciou, por intermédio de seu presidente, Dana White, a criação de duas novas categorias: a dos galos e penas. Com isso, a modalidade passa a ter 7 categorias de peso.

NÚMEROS

108 milhões de reais é a quantia

oferecida pelo Bayern para contratar o atacante Dzeko, do Wolfsburg. O jogador bósnio já fez 61 gols na Bundesliga. Hoje, pelo Alemão, o Bayern recebe o Friburgo.

2015

é a data do término do novo contrato do meia Sneijder com a Internazionale. O acordo foi revelado por Massimo Moratti, presidente do time italiano que

busca o sexto título nacional seguido e hoje visita o Genoa.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.