Jogo Rápido

TAÇA LIBERTADORES

, O Estado de S.Paulo

18 de fevereiro de 2011 | 00h00

Douglas faz 2 e garante vitória do Grêmio: 3 a 0

O Grêmio não teve dificuldades para estrear ontem com vitória na Libertadores. Mesmo sem uma atuação de encher os olhos em Porto Alegre, o time de Renato Gaúcho fez 3 a 0 no Oriente Petrolero, da Bolívia, com dois gols de Douglas e um de Gilson. O meio-campo ofensivo com Douglas, Carlos Alberto e Lúcio deu opções à equipe gaúcha no ataque, mas deixou a zaga exposta aos contra-ataques bolivianos. Ainda assim, prevaleceu a eficiência dos gaúchos. No outro jogo do grupo, o colombiano Junior de Barranquilla bateu o León de Huánuco por 2 a 1, no Peru.

NÚMEROS

3

meses é o tempo que o judoca Luciano Corrêa ficará de fora das competições. O atleta passou por artroscopia para reconstruir todos os ligamentos que unem a escápula à clavícula do ombro esquerdo

4

de março é a data provável do retorno do tenista Rafael Nadal às quadras. Afastado desde o Australian Open, em janeiro, quando se contundiu, o atleta confirmou presença nos confrontos contra a Bélgica, pela Copa Davis deste ano.

TELEVISÃO

Fifa e Uefa perdem briga na União Europeia

O Tribunal Geral da União Europeia determinou que um país pode impedir a transmissão exclusiva da Copa do Mundo e da Eurocopa na TV por assinatura. Alegam preservar o direito à informação do público.

OLIMPÍADA-2012

Reino Unido declara guerra aos cambistas

O inspetor-chefe da Polícia Metropolitana de Londres, Nick Downing, afirmou que a instituição vai trabalhar para coibir os cambistas nos Jogos de 2012. "Acreditamos que há ligações com o crime organizado."

ESPORTE DE INVERNO

Brasil na neve

A brasileira Chiara Marano ficou em 78º na prova de Slalom Gigante do Mundial de Esqui Alpino, na Alemanha, e está fora da final. O único atleta do Brasil a avançar foi Jhonatan Longhi, 54º.

ATLETISMO

Usain Bolt deve correr menos na Olimpíada

Os organizadores da Olimpíada de Londres anunciaram que os 100 melhores velocistas do mundo não precisarão disputar as primeiras baterias dos 100 metros dos Jogos de Londres. O objetivo é facilitar a presença de um mesmo atleta em mais de uma prova.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.