Jogos Olímpicos chegam ao fim: relembre alguns casos de contusões de atletas em Londres/2012

Entre as grandes perdas estão os casos do corredor Liu Xiang e do levantador de peso Jaehyouk Sa

O Estado de S. Paulo,

12 de agosto de 2012 | 15h44

LONDRES - Eles tentaram superar os limites e não se deram bem. Os Jogos Olímpicos de Londres também registraram algumas contusões sérias o bastante para eliminar seus competidores das disputas, e produzir imagens que ficarão por algum tempo no imaginários das pessoas. Uma dessas cenas aconteceu com Liu Xiang, corredor da China. Ele tentou saltar a primeira barreira na disputa dos 100 m e se deu mal. Machucou o pé e teve de ser amparado pelos outros competidores.

Liu Xiang - 110 m com barreiras

O atleta se tornou ídolo na China após o ouro em Atenas/2004, mas viveu o mesmo drama diante de sua gente, em Pequim/2008, e agora também e Londres/2012. Uma lesão no tendão de Aquiles o impediu de terminar a prova. Depois da queda, Liu Xiang se levantou, beixou a barreira e foi até a linha de chegada pulando com um pé só. Foi amparado pelos competidores.

Jaehyouk Sa - Levantamento de peso

O sul-coreano campeão olímpico em Pequim/2008 vai querer esquecer os Jogos de Londres por um único motivo: ele quase morre. Ao tentar levantar 158 kg, o atleta acabou fraturando o braço direito ao deixar o peso cair sobre seu pescoço. As imagens foram impressionantes.

Mariela Scarone, da Argentina - Hóquei na grama

Argentina e Holanda faziam uma partida tensa na final do hóquei na grama e de tanta vontade acabou sobrando uma tacada no rosto da jogadora Mariela Scarone, que teve um corte profundo do lado esquerdo da face. Sangrou muito, e a cena gerou muita preocupação de suas companheiras e também do time rival.

Roberty Moreno - luta livre

O venezuelano Roberty Moreno errou um golpe contra Augusto Midan, de Guiné-Bissau, na categoria até 74kg, e teve um corte profundo no rosto. Ele provavelmente bateu o nariz no cotovelo de seu oponente, sem maldade. Quando viu o sangue, o árbitro pediu para parar a luta imediatamente.

 

Leevan Sands - Salto triplo

Era a final da competição quando o atleta das Bahamas sofreu uma lesão no joelho direito justamente na hora do último salto. Sands teve de ser atendido pelos médicos no próprio local da prova, na caixa de areia. Antes de saltar sua perna direita dobrou ao meio, numa imagem chocante.  

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.