Jovem guarda surpreende em torneio no Recife

Enquanto os principais jogadores do mundo se preparam para mais um Masters, o de Monte Carlo, a partir de segunda-feira, jovens brasileiros em transição para o circuito profissional mostram sua força no Recife. Tiago Fernandes, campeão do Australian Open juvenil em 2010, e Guilherme Clezar, que chegou às quartas de final em Roland Garros e no US Open na categoria 18 anos, se enfrentam nas quartas do torneio de nível challenger que distribui R$ 56 mil em prêmios.

Giuliander Carpes, O Estado de S.Paulo

07 de abril de 2011 | 00h00

O alagoano Fernandes, 18 anos, alcança seu melhor resultado no circuito profissional e deve aparecer perto dos 450 melhores tenistas na próxima lista da Associação dos Tenistas Profissionais (ATP). Já o gaúcho Clezar, da mesma idade, conseguiu a maior vitória de sua carreira, sobre o suíço Marco Chiudinelli (140º do mundo), logo na estreia, e já passou a ocupar um lugar entre os 600 do ranking.

Hoje José Pereira, ex-top 10 juvenil de 20 anos, pode conseguir sua vaga se surpreender o equatoriano Giovanni Lapentti. E Christian Lindell, brasileiro que joga pela Suécia, também tem boas chances diante de Ricardo Hocevar. Da nova geração do tênis do Brasil, o carioca de 19 anos que passa metade do ano em Estocolmo é o que tem melhor ranking: 336º.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.