Miroslav Petrik/European Judo Union
Miroslav Petrik/European Judo Union

Jovens judocas brasileiras brilham com 2 ouros e 1 prata em Praga

Jessica Pereira, Samanta Soares e Beatriz Souza garantiram medalhas

Estadao Conteudo

04 de março de 2017 | 14h46

O Aberto Europeu de Praga, realizado inteiramente neste sábado, foi um suspiro de esperança para o judô brasileiro. Jovens atletas do país ganharam duas medalhas de ouro e uma de prata no torneio, que é o de menor valor para o ranking mundial e, por isso, foi utilizado pela comissão técnica da seleção brasileira para dar avaliar novos nomes.

Depois de Jessica Pereira, de 22 anos, ganhar o ouro na categoria até 52kg vencendo suas quatro lutas por ippon, o torneio retornou à tarde na República Checa com as disputas das categorias mais pesadas.

Reserva de Mayra Aguiar na categoria até 78kg, Samanta Soares, de 23 anos, também conseguiu ippons em todas as lutas para ganhar seu primeiro ouro em eventos fora das Américas no Circuito Mundial. Ela superou Alice Matejckova, atleta da casa, a israelense Yarden Mayersohn e a polonesa Beata Pacut, está última já na final.

Bronze no Mundial Cadete de 2015, Beatriz Souza, de apenas 18 anos, teve um caminho duro para chegar à final da categoria peso pesado logo em seu segundo torneio adulto. Também distribuindo golpes, ela venceu quatro rivais até perder na decisão para Maryna Slutskaya, da Bielo-Rússia, número 17 do ranking mundial.

O Brasil disputou o Aberto de Praga, exclusivamente feminino, com oito judocas, a maioria delas novatas. Melina Scárdua (até 78kg), Camila Yamakawa (+78kg) e Stefannie Koyama (até 48kg) perderam na estreia. Sarah Nascimento (até 70kg) e Gilmara Prudêncio (até 57kg) perderam na segunda rodada. Com exceção de Sarah e Beatriz, as demais se destacaram na seletiva que formou a seleção brasileira em janeiro e agora fazem parte da equipe.

Tudo o que sabemos sobre:
Judôjudô

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.