Judô brasileiro fatura dois bronzes em etapa de Moscou

A delegação brasileira conquistou neste domingo duas medalhas de bronze no Grand Slam de Moscou, etapa do Circuito Mundial de judô. Mayra Aguiar ficou com a terceira posição na categoria 78kg. Hugo Pessanha foi medalhista nos 90kg. No sábado, três brasileiros ficaram em quinto: Felipe Kitadai (60kg), Leandro Cunha (66kg) e Sarah Menezes (48kg).

AE, Agência Estado

29 de maio de 2011 | 15h40

O Grand Slam é terceira categoria de torneios mais importantes do ranking mundial, que classifica 22 homens e 14 mulheres por peso para os Jogos Olímpicos de Londres. O título de uma das quatro etapas (Paris, Moscou, Rio e Tóquio) vale 300 pontos. O Masters vale 400 e o Mundial 500.

Mayra bateu na fase classificatória Dinara Kakharova, do Quirguistão, Catherine Roberge, do Canadá e a russa Vera Moskalyuk. Na semifinal, perdeu por yoko para a japonesa Akari Ogata. Com os 120 pontos conquistados, deve subir da sexta para a quinta posição no ranking mundial.

"Estar sempre no pódio é importante e me dá tranquilidade para seguir no caminho até Londres. Além dos pontos, que são importantes para o ranking, medalhar em Grand Slam dá moral para o atleta. O próximo Grand Slam é o no Rio e, com o apoio da torcida, posso conquistar outro bom resultado", diz Mayra Aguiar.

Já Hugo Pessanha passou pelo holandês Marvin Huisman, o polonês Krzysztof Weglarz e o sueco Marcus Myman, caindo ante o japonês Daiki Nishiama, por ippon. Ele deve subir da 11.ª para a nona posição do ranking.

"Com determinação e ajuda de muitas pessoas, consegui voltar aqui e conquistar um resultado importante. Neste momento, é fundamental estar sempre pontuando no ranking e isto era algo que eu não conseguia desde maio do ano passado", diz Hugo, que em 2010 havia se machucado competindo em Moscou.

Tudo o que sabemos sobre:
judôMayra AguiarGrand Slam de Judô

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.