Sean Scott/WSL
Sean Scott/WSL

Julian Wilson cai na repescagem do surfe no Taiti e trio brasileiro comemora

Vice-líder em 2018 após seis das 11 etapas, australiano foi superado pelo local Tikanui Smith, que foi convidado pelos organizadores do evento

Estadão Conteúdo

14 Agosto 2018 | 10h06

Sem entrar na água nesta terça-feira, o trio de surfistas brasileiros formado por Filipe Toledo, Gabriel Medina e Italo Ferreira pode comemorar bastante na etapa do Taiti do Circuito Mundial. Garantidos na terceira fase, os três viram o australiano Julian Wilson, que aparece na segunda colocação na temporada, se dar mal na repescagem da segunda fase e ser eliminado precocemente nas ondas de Teahupoo.

+ Líder no surfe, Filipe Toledo avança na etapa do Taiti; Medina também passa

Vice-líder em 2018 após seis das 11 etapas, Julian Wilson foi superado pelo surfista local Tikanui Smith, que foi convidado pelos organizadores do evento após passar pelo qualifying. Assim, a comemoração dos brasileiros se dá porque Filipe Toledo (líder), Gabriel Medina (em terceiro lugar) e Italo Ferreira (em quarto) podem dominar o topo do ranking ao final da etapa taitiana.

Em uma bateria com ondas fracas, Julian Wilson sofreu para conseguir pegar uma e fez apenas 5,83 pontos. Já Tikanui Smith foi um pouco melhor e somou 7,67 em duas tentativas para surpreender o australiano.

O Brasil segue para a terceira fase com nove surfistas. Além de Filipinho, Medina e Ítalo, Adriano de Souza também avançou de forma direta à terceira fase ao vencerem as suas baterias na primeira fase. Nesta terça-feira, outros cinco passaram pela repescagem.

Duas baterias foram 100% brasileiras. Willian Cardoso enfrentou Wiggolly Dantas em duelo muito apertado e venceu por 13,00 pontos contra 12,94. E Yago Dora teve o melhor desempenho contra Tomas Hermes e ganhou por 14,57 pontos diante dos 7,83 do rival.

Apesar das ondas fracas, Ian Gouveia superou o norte-americano Griffin Colapinto em uma bateria disputada, somando 12,27 pontos contra 11,06 do adversário. Além dele, Michael Rodrigues (12,90) e Jessé Mendes (10,03) também avançaram ao derrotarem os havaianos Keanu Asing (11,37) e Sebastian Zietz (9,70), respectivamente.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.