Justiça absolve Bobô de tragédia de 2007

A Justiça baiana absolveu ontem Bobô da acusação de homicídio culposo e lesão corporal no episódio que, em 25 de novembro de 2007, provocou a morte de sete pessoas, depois que uma laje do Estádio da Fonte Nova desabou. O ex-jogador foi a julgamento por ser o responsável pela Superintendência dos Desportos do Estado da Bahia. O Ministério Público achou que houve negligência, mas o juiz da 11.ª Vara Criminal disse que não há provas suficientes para condenação.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.