Justiça pode mudar rumos da categoria

A Justiça francesa julgará amanhã ação da Ferrari contra o presidente da FIA, Max Mosley, acusado de mudar o regulamento de 2010 sem acatar a ordem processual, ou seja, ouvir as equipes. Se a corte aceitar a argumentação, nem mesmo será necessário a associação dos times se reunir para definir proposta de redução de custos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.