Juventus goleia o Bologna, de virada, e mantém a perseguição à Inter

O futebol tetracampeão do mundo sofreu baque forte, no meio da semana, com a eliminação de Juventus, Roma e Internazionale na Copa dos Campeões, o torneio interclubes mais importante do mundo. Sem contar que, pouco antes, o Milan havia caído na Copa Uefa. O quarteto de grandes do calcio agora trata de recuperar a autoestima e preparar o caminho de volta para as competições continentais na próxima temporada. Ontem, no caminho da recuperação, a Juve conseguiu uma vitória expressiva, em seu estádio, em Turim, ao golear o Bologna: 4 a 1.O time visitante saiu na frente, com o gol de Mutarelli, no primeiro tempo. A Juve conseguiu impor seu melhor futebol na segunda etapa e virou o jogo, com gols de Salihamidzic, Giovinco e Del Piero (2). A Juve tem agora 59 pontos, quatro a menos que a líder Internazionale.A líder, tricampeã nacional, é a mais forte candidata a novo scudetto e tem outro teste decisivo contra a Fiorentina (em 4º, com 46), no duelo da noite, no San Siro (16h30, com ESPN). O técnico José Mourinho, no trabalho de recuperação psicológica do grupo, ordenou que se vire a página dos duelos com o Manchester (0 a 0 e 0 a 2) na Copa dos Campeões. O treinador português manda a campo força máxima, por considerar que é a melhor forma de superar o trauma da eliminação.Desconsolo define a Roma, que devolveu ao Arsenal o 1 a 0 do jogo de ida, mas não passou pela marcação inglesa na prorrogação, no Estádio Olímpico, e derrapou nos pênaltis (7 a 6). Em sexto, com 45 pontos, só mantém chance de voltar à Copa dos Campeões se passar pela Sampdoria (32), em Gênova, pela 28ª rodada. A esperança gira em torno de Totti, recuperado.O Milan, que volta a apostar em Kaká, agora concentra forças na tentativa de garantir o segundo lugar - com 51 pontos. O teste para os nervos do time será contra o Siena (31), fora de casa. Outros jogos: Atalanta x Torino, Lazio x Chievo, Palermo x Lecce, Reggina x Napoli e Udinese x Catania. Também ontem, Cagliari 0 x 1 Genoa.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.