Kaká, Adriano e Ronaldinho chegam fora de forma

Kaká jogou 35 minutos no empate (0 a 0) entre Milan e Napoli, anteontem, mas ainda não está 100% recuperado da contusão no pé esquerdo. Ele se apresenta hoje à seleção brasileira na Granja Comary, em Teresópolis, região serrana do Rio, e será avaliado pela comissão técnica ao longo da semana para saber se será escalado no jogo de domingo contra o Equador, em Quito, pelas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2010.Como o jogo foi domingo à noite e em Nápoles, Kaká só conseguiu embarcar para o Brasil ontem à noite. Ele saiu de Milão e descerá diretamente no Rio, de onde a seleção irá de ônibus para Teresópolis.Kaká sentiu um pouco de dor durante a partida. Em conversa por telefone com Jorginho, o auxiliar de Dunga, falou sobre a condição em que se encontra e sobre sua vontade de jogar domingo e também contra o Peru, três dias depois, em Porto Alegre. Na Granja, Kaká será avaliado pelo médico José Luiz Runco e o fisioterapeuta Luiz Rosan, profissionais de sua confiança. O problema no dorso do pé esquerdo o incomoda desde fevereiro, quando se machucou no jogo contra a Reggina. Além de Kaká, outros dois jogadores se apresentarão sem 100% de suas condições: Ronaldinho Gaúcho e Adriano. O meia do Milan ficou quase um mês sem jogar por causa da lesão no tendão de Aquiles da perna direita e começou as duas últimas partidas no banco. Já o Imperador torceu levemente o tornozelo esquerdo durante o treino de sexta-feira da Inter.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.