Tibor Illyes|AP
Tibor Illyes|AP

Katinka Hosszu conquista primeiro ouro no Mundial nos 200m medley

Principal nome da natação na Hungria, Katinka Hosszu começou a exibir o protagonismo

Estadão Conteúdo

24 de julho de 2017 | 15h38

Principal nome da natação na Hungria, Katinka Hosszu começou a exibir o protagonismo que se espera dela no Mundial de Esportes Aquáticos, que está sendo realizado em Budapeste. Para a festa a torcida local, ela venceu a disputa dos 200 metros medley nesta segunda-feira e conquistou o seu primeiro ouro no evento para delírio da torcida local.

Hosszu era franca favorita a vencer a prova. E o fez ao liderar a disputa desde o início, a vencendo com a marca de 2min07s00, próxima do seu recorde mundial e do campeonato que é de 2min06s12, mas suficiente para não ser ameaçada pela japonesa Yui Ohashi, a segunda colocada com 2min07s91. A norte-americana Madisyn Cox completou o pódio ao cravar 2min09s71.

Também nesta segunda-feira, a sueca Sarah Sjöstrom conquistou seu quarto título mundial nos 100m borboleta. Melhor nadadora nas eliminatórias e nas semifinais, ela confirmou o seu favoritismo ao vencer a final a com a marca de 55s53. Assim, superou o recorde do campeonato, que já era dela e ficou a apenas 0s05 do seu recorde mundial, registrado na Olimpíada do Rio. A australiana Emma McKeon foi a segunda colocada, com 56s18, e a norte-americana Kelsi Worrell ficou em terceiro lugar, com 56s37.

O britânico Adam Peaty triunfou pela segunda vez consecutiva nos 100m peito e ainda bateu o recorde do campeonato, que também era dele, ao cravar o tempo de 57s47. O norte-americano Kevin Cordes ficou em segundo lugar, com a marca de 58s79. E o russo Kirill Prigoda foi o terceiro colocado, com 59s05.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.