Gregor Fischer| EFE
Gregor Fischer| EFE

Katinka Hosszu fatura 5 medalhas na etapa de Berlim da Copa do Mundo de natação

'Dama de Ferro', húngara somou três ouros, uma prata e um bronze

Estadão Conteúdo

30 de agosto de 2016 | 16h20

A húngara Katinka Hosszu conquistou nesta terça-feira cinco medalhas no primeiro dia da etapa de Berlim da Copa do Mundo de natação disputada em piscina curta (25 metros). A "Dama de Ferro", como é conhecida, alcançou três ouros (200m livre, 200m medley e 200m costas), uma prata (50m costas) e um bronze (100m borboleta) na competição da Alemanha.

A Copa do Mundo é dividida em nove etapas e acontece em piscinas de 25m. Na primeira, disputada na última semana, em Chartres, na França, Hosszu foi de longe o principal destaque e conquistou 11 medalhas. Agora, na Alemanha, ela ainda disputará outras seis provas nesta quarta-feira e pode igualar o número de conquistas.

A húngara ficou mais conhecida entre os brasileiros por se destacar nos Jogos Olímpicos do Rio-2016, quando alcançou três ouros (100m costas, 200m e 400m medley) e uma prata (200m costas). Mas, no mundo da natação, era mais conhecida pelas medalhas na Copa do Mundo, da qual foi tetracampeã, do que pelo desempenho olímpico. Isso só mudou no Rio de Janeiro.

Nesta terça-feira, Hosszu só não subiu no pódio em uma das provas que disputou. Nos 800m livre, ela terminou em quinto lugar. A prova teve vitória da alemã Franziska Hentke. Na quarta, a "Dama de Ferro" nadará os 50m borboleta, 100m livre, 100m costas, 100m medley, 400m livre e 400m medley.

MASCULINO - O brasileiro Felipe Lima conquistou a medalha de bronze nos 50m peito. A prova foi vencida pelo sul-africano Cameron van der Burgh, seguido pelo russo Kirill Prigoda. Mas o principal destaque do dia no masculino foi russo Vladimir Morosov.

Ele quebrou nesta terça o recorde mundial em piscina curta dos 100m medley ao completar a prova em 50s30. A melhor marca anterior pertencia ao próprio Morosov e foi alcançada na etapa da França, na última semana, com o tempo de 50s60. O russo também foi o mais rápido nos 100m livre com o tempo de 45s79. Na segunda colocação ficou o britânico Adam Barrett, seguido pelo japonês Shinri Shioura.

Tudo o que sabemos sobre:
katinka hosszuNatação

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.