Kawamura vence Brasileiro de esqui

O esqui brasileiro tem o seu mais jovem campeão. O paulista Ricardo Kawamura venceu nesta quinta-feira, em Valle Nevado, no Chile, a 17ª edição do Campeonato Brasileiro de esqui na neve, na categoria Slalom Gigante, com o melhor tempo de 50s03. Em segundo ficou Pedro Pacheco, e em terceiro, Sérgio Schuler. Com a conquista, Kawamura, de apenas 17 anos, tornou-se o mais novo esquiador a conquistar a façanha. No feminino, Mirella Arnhold manteve o título. Depois de ter feito uma bateria fraca, Kawamura se recuperou na seguinte e foi beneficiado pelo acidente de outro favorito ao título, Thiago Vasconcelos. ?Detestei minha primeira descida, cometi diversos erros, mas consegui me concentrar na próxima sem sentir a pressão. Fico feliz porque sei que esquiei o melhor que pude?, disse. ?Agora quero me dedicar ao máximo aos treinos para o Mundial de 2003 e, claro, aos Jogos Olímpicos de 2006??. Única brasileira a competir na prova - o torneio também é aberto a esquiadores internacionais - Mirella ficou um pouco abatida e insatisfeita com seu desempenho nas duas baterias. ?Apesar de não ter gostado das minhas descidas, fico tranqüila em saber que as competições sul-americanas estão apenas começando. Passarei a intensificar os meus treinos a partir de agora?. Gringos - Entre os competidores internacionais, os chilenos dominaram o pódio com Mikael Gayme e Daniela Anguita. A prova masculina teve 56 participantes enquanto a feminina, 23. As más condições da pista novamente fizeram com que a Associação Brasileira de Ski (ABSS) alterasse a programação do torneio. A prova Super G (mais velocidade) prevista para sexta-feira foi cancelada, dando lugar a nova prova Slalom Gigante, válida apenas para acumular pontos no ranking internacional. No sábado acontecem as provas Abertas e Master de Slalom Gigante.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.