Time Brasil
Time Brasil

Kawan Pereira conquista ouro inédito para o Brasil no Mundial Júnior de saltos ornamentais

Atleta de 19 anos colecionou mais uma grande conquista no ano. Na mesma prova, Rafael Fogaça terminou na 12.ª colocação

Redação, O Estado de S.Paulo

03 de dezembro de 2021 | 15h31

Kawan Pereira conquistou nesta sexta-feira o título da prova do trampolim de 3 metros do Mundial Júnior de saltos ornamentais, que está sendo realizado em Kiev, na Ucrânia. O atleta brasileiro, de 19 anos e nascido no Piauí, faturou a primeira medalha de ouro na competição para atletas da categoria júnior na história da modalidade no Brasil.

Para chegar à final, Kawan passou pelas eliminatórias em 11.º lugar com 473,25 pontos. Na final, apenas com 12 atletas, o atleta brasileiro conquistou o ouro no trampolim de 3 metros com 532,60 pontos. O ucraniano Danylo Konovalov fez os mesmos 532,60 pontos e também ganhou a medalha de ouro. Em terceiro lugar, ficou o colombiano Leonardo Varela (521,95 pontos).

Essa é a segunda medalha do Brasil na história de Mundiais Júnior. Em 2002, Hugo Parisi, atual chefe de equipe da delegação em Kiev, e Ubirajara Barbosa foram ao pódio no nado sincronizado.

Na mesma prova em que Kawan foi campeão, o brasileiro Rafael Fogaça terminou na 12.ª colocação com 414,45 pontos. A competição não teve participação de atletas da China, principal potência da modalidade.

Kawan vive um ano espetacular. Além da medalha de ouro no Mundial Júnior, foi o brasileiro a ficar no Top 10 em uma prova de plataforma em Jogos Olímpicos - 10.ª colocação na plataforma 10 metros em Tóquio-2020 - e conquistou o bronze nos Jogos Pan-Americanos Júnior de Cali, na Colômbia, que teve as competições de saltos ornamentais encerradas no último domingo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.