Fabio Motta/Estadão
Fabio Motta/Estadão

Laboratório em Portugal é descredenciado pela Agência Mundial Antidoping

Instalação em Lisboa não é aprovada pelos padrões internacionais

Estadão Conteúdo

25 Outubro 2018 | 15h42

A Agência Mundial Antidoping (Wada, na sigla em inglês) anunciou nesta quinta-feira que o único laboratório antidoping de Portugal, na capital Lisboa, perdeu o direito de realizar testes depois de ter falhado nos padrões internacionais.

A Wada suspendeu o credenciamento do laboratório em 2016 e agora o revogou completamente. A agência afirma que está insatisfeita com os resultados de uma inspeção "para garantir a total confiabilidade e precisão das análises antidoping e relato de resultados", mas não forneceu mais detalhes.

Depois que uma série de investigações da Wada descobriu que um laboratório de Moscou, na Rússia, estava encobrindo resultados de exames para atletas russos, a entidade intensificou as inspeções em laboratórios pelo mundo. Os processos geralmente se concentram em deficiências técnicas dos equipamentos.

Laboratórios no Casaquistão e na África do Sul tiveram as suas credenciais revogadas no último ano, enquanto que laboratórios em Paris, na França, e em Madri, na Espanha, foram suspensos e depois restabelecidos.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.