José Patrício/AE
José Patrício/AE

Laterais tiram o sono de Tite antes do clássico

Nenhum dos jogadores especialistas nas posições está 100% e treinador corintiano vai improvisar diante do Palmeiras

Vítor Marques, O Estado de S.Paulo

26 de agosto de 2011 | 00h00

SÃO PAULO - Tite testava uma formação já improvisada, com o zagueiro Leandro Castán pela lateral-esquerda, quando o lateral-direito Alessandro colocou a mão na coxa e abandonou o treino, ontem, no CT. Esse foi o retrato perfeito do momento que vive o Corinthians: os laterais passam por uma "maldição".

Às vésperas do clássico contra o Palmeiras, em Presidente Prudente, pelo Campeonato Brasileiro, nenhum jogador da posição está 100%. Na esquerda, Fábio Santos e o garoto Dener estão machucados e Ramon está voltando de contusão. Pela direita, mais problemas. Welder machucou o tornozelo direito e Alessandro, que estava voltando de contusão, sentiu a coxa esquerda durante o treino.

Num certo momento do coletivo, Tite, que começou com Leandro Castán na esquerda, teve de escalar o meia Edenílson pela direita. As improvisações e as constantes trocas de jogadores, principalmente no setor defensivo, têm sido usadas como justificativa para o mau momento do time, que passou a sofrer mais gols.

Tite acha natural que com tantas mudanças o time cometa mais erros, em especial de posicionamento. E os zagueiros também já disseram que passaram a ser mais atacados por falha de cobertura. Portanto, o panorama para a partida contra o Palmeiras é pouco animador.

Alessandro fará um exame hoje para avaliar o grau da lesão. É pouco provável que jogue. Seu substituto, Welder, ainda sente o tornozelo direito e é dúvida. Com tantos contratempos, Ramon treinou entre os titulares na segunda parte do coletivo. A tendência é que jogue.

Meio. Os meias permanecem na equipe. Ficou claro no treino que Tite vai insistir, talvez pela última vez, com dois meias. Alex e Danilo treinaram juntos durante todo o coletivo. Danilo mais centralizado e Alex pela ponta direita.

A única alteração que chamou a atenção foi a troca de Jorge Henrique por Emerson, que pode ganhar chance de sair jogando. "Fica essa dúvida de quem vai para o jogo. Não tem nada definido ainda", falou o Alex.

Tudo o que sabemos sobre:
Campeonato BrasileiroCorinthiansTite

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.