Juan Carlos Hidalgo/EFE
Juan Carlos Hidalgo/EFE

Leandrinho admite nervosismo na estreia do basquete

Apesar de ter sido o cestinha do duelo, ala também foi responsável por quatro dos 15 erros da equipe

AMANDA ROMANELLI - Enviada especial, Agência Estado

29 de julho de 2012 | 12h26

LONDRES - O ala Leandrinho Barbosa teve uma atuação instável na estreia do Brasil contra a Austrália no torneio olímpico de basquete masculino, neste domingo, em Londres. Apesar de ter sido o cestinha do duelo que terminou com vitória brasileira por 75 a 71, ao marcar 16 pontos, ele também foi responsável por quatro dos 15 erros da equipe.

O jogador reconheceu ter "vacilado" em alguns momentos da partida diante da Austrália, incluindo dois erros no último quarto que colocaram o Brasil em perigo no jogo. E revelou que viveu momentos de muito nervosismo antes da estreia olímpica, que culminaram até com uma briga por telefone com a mulher, a atriz Samara Felippo.

"Eu estava muito nervoso, ansioso mesmo. Até briguei com a patroa no telefone", revelou Leandrinho, um dos quatro jogadores brasileiros que atuam na NBA, ao lado de Nenê, Anderson Varejão e Tiago Splitter. "Ela veio me ver (Samara esteve presente no ginásio em Londres), mas soltei tudo nela ontem (sábado). Não era para ter feito isso, e já pedi desculpas."

No dia do primeiro treino do Brasil na Arena Olímpica, Leandrinho já havia comentado sobre a sua ansiedade e afirmou que nem tinha conseguido dormir na primeira noite na Vila Olímpica. "Agora o sono está bacana, mas eu estava nervoso mesmo. Principalmente quando a gente entrou em quadra. É algo que eu sempre vi pela televisão e eu estava aqui, jogando", contou o jogador, lembrando que o basquete masculino brasileiro volta a disputar uma Olimpíada após 16 anos de ausência.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.