Leandrinho se coloca à disposição para ir aos Jogos

Jogador não esteve no Pré-Olímpico, alegando contusão, mas diz sobre a Olimpíada: ''Se eles me convocarem ''tô'' dentro''

, O Estado de S.Paulo

14 de setembro de 2011 | 00h00

RIO

O jogador Leandrinho, do Toronto Raptors e atualmente no Flamengo, comentou ontem as declarações do presidente da Confederação Brasileira de Basquete (CBB), Carlos Nunes, de que os jogadores que pediram dispensa da seleção brasileira para a disputa do Pré-Olímpico não devem ser chamados para a Olimpíada de Londres, no ano que vem - o ala-armador foi um deles. "Eu tenho que respeitar. Cada um fala o que quer. Tive meus motivos e nenhum deles (dirigentes da CBB) sabe o que se passou comigo", disse.

No Brasil para defender o Flamengo durante o locaute da NBA, a liga profissional dos Estados Unidos, Leandrinho se recupera de uma lesão crônica no punho direito, motivo que alegou para não defender a seleção na busca pela vaga olímpica, enfim conquistada após 16 anos.

Em entrevista ao Estado, há duas semanas, o jogador defendeu sua atitude com veemência, frisando que foi uma decisão para preservar seu futuro no esporte. Em outras ocasiões, reforçou que a CBB sabia de seu problema e teria inclusive o aconselhado a não se apresentar no dia da convocação da equipe.

"Foi uma decisão que iria afetar minha carreira. Ou eu fazia a cirurgia e colocava um pino (para poder jogar) ou repousava. Foi uma questão para salvar minha carreira. Não estando bem, achei melhor dar minha oportunidade para uma pessoa que estivesse melhor do que eu", disse Leandrinho, destacando que deseja ir aos Jogos. "Estou disposto para o que der e vier. Se eles me convocarem "tô" dentro".

Os heróis da conquista da vaga procuraram ser diplomáticos quanto ao aproveitamento dos dispensados, caso de Leandrinho, Anderson Varejão (também machucado) e Nenê.

Leandrinho está em fase final de recuperação da lesão no punho. Depois de repousar durante quatro meses, iniciou o trabalho de recuperação física e retomou há pouco o contato com a bola. Sua estreia no Flamengo está marcada para o dia 1.º de outubro, em amistoso contra o Boca Juniors, no Maracanãzinho.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.