Leandro Cunha é prata na Super Copa do Mundo de judô

O judoca Leandro Cunha conseguiu neste sábado a medalha de prata na Super Copa do Mundo de Paris, uma das três competições de judô mais importantes do mundo (depois de Jogos Olímpicos e Campeonato Mundial). ?Estou batendo na trave há muito tempo e, finalmente, conquistei uma medalha na Europa?, comentou Leandro, de 26 anos, reserva de Henrique Guimarães no Pan 2003 e nas Olimpíadas de 2004, e reserva de João Derly no Mundial 2005.Na final, Coxinha - como é chamado por seus companheiros - lutou a final contra o japonês Hiroyuki Akimoto e foi derrotado por ippon (dois waza-ari). Para chegar à decisão, Leandro passou por quatro adversários: venceu Elchin Ismaylov (AZE) e Jordan Amoros (FRA) por koka; passou por Miklos Ungvari (HUN) por ippon e por Oscar Penas (ESP) por waza-ari.Junto com a equipe que está na Europa no momento, Leandro disputa na próxima semana a Copa do Mundo de Budapeste (as mulheres lutam em Viena). O atual campeão mundial dos meio-leves, João Derly, é o adversário direto de Leandro pela vaga no Pan.No feminino, o melhor resultado do Brasil na França foi da meio-médio Danielle Yuri, que terminou em sétimo lugar. Danielle tem como adversária pela vaga no Pan a experiente Vânia Ishii, ouro no Pan 1999 e prata no Pan 2003. Neste domingo, lutam Tiago Camilo, Carlos Honorato, Leonardo Leite, João Gabriel, Márcia Vieira, Claudirene Cezar e Viviane Oliveira.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.