Leandro Guilheiro reconhece superioridade dos rivais

Depois de encerrar sem medalha sua participação em Londres, brasileiro reconhece mau desempenho

WILSON BALDINI JR., Agência Estado

31 de julho de 2012 | 12h02

LONDRES - O brasileiro Leandro Guilheiro reconheceu a superioridade dos rivais, após perder duas das quatro lutas que fez nesta terça-feira na ExCel Arena e ficar de fora da disputa por medalhas dos Jogos Olímpicos de Londres. Ele caiu nas quartas de final para o norte-americano Travis Stevens e na primeira rodada da repescagem para o japonês Takahiro Nakai.

"Eles foram melhores do que eu. Fiz toda a preparação corretamente, esteve muito tranquilo, sereno, mas não consegui ter um bom desempenho técnico e tático", disse o judoca brasileiro.

Primeiro colocado no ranking mundial, Leandro Guilheiro afirmou que não sentiu pressão de confirmar o seu favoritismo na Olimpíada de Londres. E que também não vai analisar sua carreira de mais de duas décadas de judô pelo resultado.

"Tenho uma história no judô e, com certeza, ele não acaba após esta derrota", disse o atleta, que tentava a terceira medalha olímpica consecutiva. Leandro Guilheiro foi bronze em Atenas/2004 e Pequim/2008. "Depois pode ser que eu fique chateado. Sei que vou ficar. Mas encaro como uma provação que preciso passar."

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.