Reuters
Reuters

Lenda do salto com vara, ucraniano Sergei Bubka afirma: 'Vamos vencer'

Presidente do Comitê Olímpico Nacional da Ucrânia, o ex-atleta fez uma postagem no Twitter nesta sexta-feira

AFP, O Estado de S.Paulo

04 de março de 2022 | 18h21

Sergei Bubka, lenda do salto com vara e presidente do Comitê Olímpico Nacional da Ucrânia (NOC), disse nesta sexta-feira que seu país sairá vitorioso após a invasão russa. "Eu amo a Ucrânia com todo o meu coração", escreveu ele no Twitter. "Vamos vencer!", acrescentou o ex-recordista mundial. 

O ex-atleta de 58 anos recebeu do presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI), Thomas Bach, a tarefa de coordenar a ajuda humanitária destinada à Ucrânia pela organização sediada em Lausanne. 

"Queridos ucranianos, a família olímpica não está indiferente à nossa dor. Como qualquer ucraniano, hoje em dia não durmo. Defendo nosso país com todos os meios à minha disposição, usando todas as minhas relações internacionais", escreveu. "A guerra deve parar, a paz e a humanidade devem vencer", acrescentou. 

Vários atletas ucranianos se mobilizaram nos últimos dias em favor de seu país, alguns chegando a pegar em armas. Por outro lado, cerca de uma centena de atletas e ex-atletas assinaram uma declaração a favor da paz. 

Sob a égide da associação "Paz e Esporte", campeões olímpicos e mundiais consideraram que "existe uma comunidade mundial de paz através do esporte, que partilha os mesmos valores e acredita na eficácia da 'diplomacia suave', e que exerce uma influência crescente na vida das sociedades". 

"Esta comunidade mundial de paz através do esporte pode e deve desempenhar um papel útil na crise atual, tomando iniciativas concretas. Sem esperar", escreveram nesta galeria, divulgada pela associação. 

Entre os signatários do texto estão o ex-jogador de futebol da Costa do Marfim Didier Droga, o ciclista britânico Chris Froome e nomes da canoagem como o francês Tony Estanguet (três vezes medalhista de ouro olímpico) e a australiana Jessica Fox (quatro vezes medalhista olímpica), entre outros.

Tudo o que sabemos sobre:
Sergei BubkaUcrânia [Europa]

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.