Lesão na cabeça tira favorito da final do bobslead

Suíço Beat Hefti não conseguiu se recuperar do grave acidente que aconteceu na última quarta-feira

AE, Agencia Estado

20 de fevereiro de 2010 | 11h25

O suíço Beat Hefti, favorito ao título no bobslead (esporte sobre trenó), está fora da competição na Olimpíada de Inverno de Vancouver por causa do acidente ocorrido na última quarta-feira, logo no seu primeiro treino. Hefti, que lidera o ranking mundial, não conseguiu se recuperar da pancada na cabeça, e por isso, não foi liberado pela equipe para as finais.

Enquanto o suíço deixa os Jogos de Inverno, o esquiador neozelandês Benjamin Koons foi autorizado a voltar. O atleta havia sido afastado da competição pela Federação Internacional de Esqui por causa da alta taxa de hemoglobina.

No entanto, um outro exame de sangue demonstrou que o índice já havia se normalizado. De acordo com a Federação, o afastamento inicial não foi por suspeita de doping, mas para preservar a saúde do esquiador.

OUTRO SUSTO 

Mais um acidente marcou a competição na sexta-feira. Desta vez foi o sueco Patrik Jaerbyn, do esqui alpino, que sofreu uma grave queda durante a prova. O esquiador foi atendido imediatamente. A disputa, que teve a vitória de Aksel Lund Svindal, da Noruega, deu trabalho aos outros atletas, que não conseguiram se manter em pé.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.