Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Lesão no joelho tira Danilo do Porto e da seleção brasileira

Lateral sofreu contusão no ligamento na partida contra o Manchester City, mas exame descarta a possibilidade de cirurgia

PORTO, O Estado de S.Paulo

18 de fevereiro de 2012 | 03h03

O lateral-direito Danilo, ex-Santos e atual jogador do Porto, ficou aliviado, ontem, ao ser informado pelos médicos do clube português que a lesão no joelho direito que sofreu na véspera não é tão grave como se pensou inicialmente. O jogador poderá voltar a atuar em quatro ou seis meses e, com isso, fica afastada a ameaça de não participar da Olimpíada de Londres, em julho e agosto.

Danilo contundiu-se aos 23 minutos da partida entre o Porto e o Manchester City, pela Liga Europa, numa disputa de bola com Yaya Touré. Saiu de campo carregado na maca e chorando muito. Num exame preliminar, os médicos chegaram a falar que ele corria o risco de ficar seis meses longe dos gramados, pois teria de passar por delicada cirurgia.

Mas os exames, ontem, mostraram um quadro diferente. Ele teve lesão no ligamento lateral interno do joelho esquerdo e vai se recuperar fazendo tratamento convencional.

O jogador comemorou a boa notícia. "Foi menos do que esperávamos, graças a Deus! Um mês e meio e eu estou de volta'', postou no Twitter.

Danilo, porém, está fora do primeiro amistoso da seleção brasileira este ano, dia 28, contra a Bósnia, na Suíça. O técnico Mano Menezes ainda não decidiu se vai convocar outro jogador para substituí-lo.

Estar apto para jogar na Olimpíada de Londres deixa Danilo aliviado, mas não apenas ele. Mano Menezes tem dado sinais de que ele vai mesmo fazer parte do grupo que irá defender a seleção olímpica em Londres, até mesmo por sua versatilidade. O ex-santista, além da lateral-direita, joga no meio de campo, e, para Mano, consegue manter bom nível em ambos os setores.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.