Thilo Schmuelgen/Reuters
Thilo Schmuelgen/Reuters

Lewandowski anuncia doação de 1 milhão de euros para combate ao coronavírus

Atacante segue exemplo de companheiros de Bayern de Munique Leon Goretzka e Joshua Kimmich

Redação, Estadão Conteúdo

21 de março de 2020 | 19h16

O atacante Robert Lewandowski, do Bayern de Munique, anunciou neste sábado uma doação no valor de 1 milhão de euros (cerca de R$ 5,4 milhões) no combate ao novo coronavírus. O dinheiro, doado também por sua esposa, Anna, vai integrar um fundo criado pelos próprios jogadores do time alemão, chamado "We kick Corona" (Nós chutamos o coronavírus).

"Estamos todos conscientes das dificuldades da situação que estamos vivendo agora. Hoje estamos todos jogando no mesmo time. Vamos ser fortes nesta luta. Se podemos ajudar alguém, vamos fazer isso", declarou o jogador, um dos principais atacantes do mundo na atualidade.

"Decidimos doar 1 milhão de euros para contribuir na luta contra o coronavírus. Esta situação afeta a cada um de nós. Então pedimos a você: siga as instruções, escute aqueles que sabem mais. Seja responsável!", disse o jogador da seleção polonesa, referindo-se às instruções dos especialistas quando a isolamento social e quarentena.

Com a doação, o atleta e sua esposa se juntam a Leon Goretzka e Joshua Kimmich, colegas de time de Lewandowski e que também doaram 1 milhão de euros cada. "Acreditamos que vamos voltar à vida normal logo. Estamos todos juntos."

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.