Luis Fabiano treina com time pela 1ª vez e mostra pontaria

Se tudo correr como o São Paulo planeja, atleta deve reestrear pelo clube na quarta-feira, diante do Goiás, pela Copa do Brasil

Giuliander Carpes, O Estado de S.Paulo

22 de abril de 2011 | 00h00

O São Paulo viveu misto de satisfação e ansiedade ontem. Enquanto os titulares chegavam de Goiânia felizes com a vitória sobre o Goiás (1 a 0) no jogo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil, o maior reforço da temporada treinava com bola pela primeira vez desde que sofreu lesão no joelho quando jogava pelo espanhol Sevilla.

Se tudo der certo, Luis Fabiano, de 30 anos, reestreia pelo time tricolor na jogo de volta, quarta-feira, contra o Goiás, no Morumbi. Ontem, o centroavante marcou um gol e deu dois passes para gol durante o coletivo.

"O Luis Fabiano vai treinar normalmente com os seus companheiros durante os próximos dias", explicou o técnico Paulo César Carpegiani. "Não podemos arriscar sem antes conversar com o jogador. Vai treinar e vamos depender da palavra dele. Se estiver bem, vai jogar sim."

O próprio jogador avisou que provavelmente não terá totais condições de atuar, mas existe uma pressão da diretoria para que retorne ao time diante da torcida, no Morumbi, e Carpegiani disse que atleta de sua posição não precisa estar 100% fisicamente para jogar: basta estar na área e ajudar o São Paulo a confirmar classificação à próxima fase da Copa do Brasil - Luis Fabiano não pode mais ser inscrito no Campeonato Paulista.

Os companheiros estão ansiosos para ver o centroavante na equipe. "Sempre falei para o Luis lá no centro de treinamento que será uma honra jogar ao lado dele. Com ele em campo, as coisas ficarão lindas de se ver", elogiou o atacante Dagoberto, autor do gol contra o Goiás e principal destaque da equipe no ano.

O São Paulo fará só um treino técnico antes do jogo de domingo com a Portuguesa pelas semifinais do Paulista. Pelo menos pode comemorar o retorno de Lucas, que cumpriu suspensão em Goiânia.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.