Lula promove candidatura do Rio em Genebra

Durante sua visita a Genebra, que começa nesta quarta-feira, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva irá interromper as reuniões políticas para promover a cidade do Rio de Janeiro como candidata para sediar os Jogos Olímpicos de 2012. Na próxima sexta-feira, Lula se reunirá na cidade suiça de Lausanne com o presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI), Jacques Rogge, e poderá aproveitar para anunciar também, segundo o Ministério do Esporte, sua presença na cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos de Atenas, que ocorrem em agosto.Lula será acompanhado pelo ministro dos Esportes, Agnelo Queiroz, e pelo ministro do Turismo, Walfrido Mares Guia. Segundo o governo, a visita servirá para mostrar o interesse das autoridades nacionais pela candidatura do Rio. Há duas semanas, o Comitê Olímpico Brasileiro (COB) entregou ao COI os primeiros documentos da candidatura do Rio de Janeiro. As informações se referiam aos planos técnicos da cidade para o evento e incluiam cartas do presidente Lula e do prefeito do Rio, Cesar Maia, garantindo o apoio do governo ao evento.O Rio concorre com outras oito cidades: Paris, Leipzig, Nova Iorque, Moscou, Istambul, Havana, Londres e Madri, que também já entregaram os seus documentos iniciais. Com base nessas informações, o COI decidirá, no dia 18 de maio, qual delas poderá continuar na corrida. As cidades aceitas, então, poderão ser chamadas oficialmente de "candidatas" e promoverem o evento no exterior. A decisão final sobre quem sediará os Jogos será tomada em Julho de 2005.Além de defender a candidatura brasileira, Lula apresentará ao COI os projetos do governo de utilizar o esporte de forma que possa ajudar a solucionar os problemas sociais do País.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.