AO VIVO

Confira tudo sobre a Copa do Mundo da Rússia 24 horas por dia

Lula: Vanderlei e vôlei são exemplos

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse hoje que a vitória do Brasil no vôlei masculino e a atuação do corredor Vanderlei Cordeiro de Lima na Olimpíada de Atena são exemplos para o povo brasileiro. Em discurso para diretores e funcionários da multinacional Caterpillar, Lula reclamou dos "pessimistas e incrédulos". "Há aqueles que não acreditam em nada que já levantam achando que o dia vai ser péssimo sem antes abrir a janela", afirmou. No evento, Lula relatou a emoção que sentiu ao assistir a conquista da equipe do técnico Bernardinho. "O Brasil está mais do que nunca aprendendo a gostar de si", avaliou o presidente. "Vimos ontem na final do vôlei, quando o Brasil se consagrou campeão olímpico, aqueles jovens todos cantando o Hino Nacional e abraçando a bandeira. Isso significou auto-estima à flor da pele." Em conversa com assessores, pouco antes da solenidade, o presidente destacou o empenho do maratonista brasileiro, que mesmo agredido por um fanático religioso, conseguiu ganhar medalha de bronze na mais tradicional prova do atletismo. Ao ser questionado sobre possíveis comentários de Lula na área econômica e política, um assessor do Planalto respondeu: "O presidente só falou da Olímpiada, do Vanderlei. Apesar de tudo aquilo (agressão), o corredor conseguiu uma medalha. Ele (Lula) achou fantástico". Ainda no discurso para os diretores e funcionários da Caterpillar, o presidente comentou propagandas divulgadas na televisão sobre a auto-estima dos brasileiros em que aparece o jogador de futebol Ronaldinho e o cantor Hebert Viana. "Se o povo não acredita em seus valores e em seus País tudo será mais complicado e mais difícil", disse Lula.

Agencia Estado,

30 Agosto 2004 | 20h08

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.