Lutadores do UFC participam de encontro com crianças no Rio

Objetivo é promover o evento e incentivar a prática esportiva entre os jovens

estadão.com.br

23 de agosto de 2011 | 06h40

RIO - Lutadores que participarão do UFC 134, sábado, no Rio, participam nesta terça-feira à tarde de um encontro com cerca de 40 crianças dos morros do Cantagalo e Pavão-Pavãozinho, na zona sul da cidade, como forma de promover o evento de MMA (artes marciais mistas, na sigla em inglês) e incentivar a prática esportiva entre os jovens da comunidade.

Com o apoio da UPP (Unidade de Polícia Pacificadora) local, José Aldo, campeão da categoria pena, Junior Cigano e Lyoto Machida passarão a tarde conversando com a garotada. A iniciativa integra o projeto Criança Esperança, na Comunidade do Cantagalo.

As crianças praticam lutas na Academia Nobre Arte, comandada por Cláudio Coelho, um dos maiores treinadores de boxe do Brasil. A Academia ensina boxe para moradores de todas as faixas etárias há 21 anos.

Já passaram por lá diversos lutadores de MMA, como Royce Gracie e Vitor Belfort. A ONG criou o projeto Meninos do Boxe em 1996, oferecendo por meio do esporte um complemento educacional para crianças e adolescentes, com o objetivo de proporcionar uma formação esportiva e social.

Notícias relacionadas

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.