Luxemburgo exige foco na Sul-Americana

O Palmeiras vai levar apenas 15 jogadores para enfrentar o Sport Ancash, em Lima, no Peru. Marcos, Gladstone, Martinez, Léo Lima e Evandro são os poucos titulares ou aspirantes a vagas na equipe que disputa o título do Campeonato Brasileiro que estarão em campo amanhã. Mas o técnico Vanderlei Luxemburgo reiterou aos atletas a necessidade de classificação, pois mira mais uma conquista para o clube. O troféu de campeão da Copa Sul-Americana, inédito para o clube, é alvo menos importante do que o do torneio nacional, porém, ainda sim, uma exigência. "O Luxemburgo deixou bem claro para nós que temos de tratar a Sul-Americana também como prioridade", enfatiza o volante Pierre, que voltou ao time contra o Vasco, anteontem, e deve fazer diante dos peruanos seu primeiro jogo completo depois de dois meses parado por lesão no joelho. "Não vamos enfrentar quatro horas de viagem e desgaste para não darmos importância para esta competição", ressaltou o jogador. O Vasco não teve pedido aceito pela Conmebol para evitar o avanço do Palmeiras na competição. A classificação foi confirmada ontem. O time carioca contestou a troca dos atacantes Jorge Preá por Thiago Cunha na inscrição alviverde. Preá aparecia em uma listagem inicial, mas o clube paulista trocou o jogador por Thiago Cunha antes de enviar a documentação.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.