Susana Vera/Reuters
Susana Vera/Reuters

Madri exalta viabilidade financeira do projeto para receber Olimpíada 2020

Cidade espanhola é uma das finalistas na eleição do COI que vai apontar sede em 7 de setembro

AE-AP, Agência Estado

19 de março de 2013 | 17h52

MADRI - Apesar da crise econômica vivida pela Espanha nos últimos anos, a candidatura de Madri exaltou nesta terça-feira a viabilidade financeira do projeto para receber a Olimpíada de 2020. Durante a vistoria dos membros do Comitê Olímpico Internacional (COI), que acontece nesta semana, os representantes da capital espanhola ressaltaram que o orçamento prevê "investimento mínimo e risco mínimo".

Madri é uma das três finalistas na eleição do COI que vai apontar, no dia 7 de setembro, a sede da Olimpíada de 2020. Na semana passada, os membros da entidade fizeram a vistoria em Tóquio, no Japão. Agora, passam quatro dias, até quinta-feira, na capital espanhola. E depois vão até Istambul, na Turquia, também para conhecer os detalhes do projeto da candidatura olímpica.

Em Madri, os representantes da candidatura defenderam nesta terça-feira que a escolha da cidade é uma "opção segura" para o COI. O orçamento da capital espanhola é de "somente" US$ 2 bilhões, pois a maior parte da infraestrutura já está pronta. Além disso, foi apresentada uma pesquisa que aponta que a maioria da população da Espanha apoia o investimento para receber a Olimpíada.

Tudo o que sabemos sobre:
OlimpíadaCOIMadriOlimpíada 2020

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.