Madson sofre por camisa de Ronaldo

Meia santista fica abalado com torcedor que o chama de corintiano

Sanches Filho, O Estadao de S.Paulo

19 de maio de 2009 | 00h00

O meia Madson não poderia imaginar que enfrentaria problema tão sério por ter recebido a camisa que Ronaldo usou na final do Campeonato Paulista, dia 3, no Pacaembu. O jogador santista deu sua camisa ao Fenômeno e, na semana passada, recebeu, por um repórter de rádio, a do corintiano. Como o assunto foi explorado em programas esportivos de TV e noticiado por jornais, no jogo de domingo à tarde, na Vila Belmiro, Madson foi hostilizado, discutiu com torcedores e saiu chorando de campo. Ontem, disse que o assunto está superado."Foi um fato isolado e sei que a verdadeira torcida do Santos está do meu lado. O jogo de domingo estava difícil e, no momento em que mais precisávamos de apoio, um único torcedor me chateou. No fim do jogo,tentei explicar ao torcedor que o fato de eu receber a camisa de Ronaldo não significa que eu seja corintiano, mas ele estava com a cabeça quente. Fiquei triste, mas já passou", disse o santista ontem.O jogador foi provocado ao cobrar um escanteio do lado em que se coloca a maior organizada santista. Ele disse que vem recebendo pela internet mensagens de solidariedade desde domingo à noite. "O que me dá a certeza que o fato está superado", concluiu Madson.ROBERTO BRUM LIBERADOO volante Roberto Brum passou por exames ontem cedo e está liberado para treinar hoje. A contusão que tirou o volante do jogo contra o Goiás ainda no primeiro tempo foi apenas uma pancada, sem consequência grave, no pé direito, segundo o médico Carlos Braga.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.