Maiores estrelas têm rodada apagada, mas Eto'o brilha

Maiores estrelas têm rodada apagada, mas Eto'o brilha

Camaronês faz dois gols (um de bicicleta) que garantem a Inter na ponta do Italiano. Messi passa em branco

, O Estadao de S.Paulo

25 de março de 2010 | 00h00

MILÃO

Samuel Eto"o, principal nome da seleção de Camarões na Copa do Mundo, mostrou ontem que tem ferramentas para ser uma das estrelas no Mundial da África do Sul. O centroavante deixou a situação da Internazionale de Milão mais sossegada na liderança do Campeonato Italiano ao marcar dois gols na vitória sobre o Livorno por 3 a 0, no Estádio Giuseppe Meazza.

O camaronês marcou até um lindo gol de bicicleta (o segundo seu e do jogo). O lateral brasileiro Maicon, titular absoluto da seleção de Dunga, completou o placar. Agora a Inter abre 4 pontos de vantagem sobre o Milan, que acabou derrotado pelo Parma por 1 a 0 com um gol de Bojinov no final do jogo. Ronaldinho, que ainda sonha vestir a camisa amarelinha na Copa, foi mal outra vez. Já Júlio Baptista, seu principal rival pela vaga na África do Sul, marcou o segundo gol da Roma na vitória sobre oBologna por 2 a 0.

Estrela apagada. Lionel Messi teve noite de pouco brilho na vitória do Barcelona (2 a 0) sobre o Osasuna. O principal jogador da seleção argentina passou em branco. Ibrahimovic e Bojan fizeram os gols que colocaram o Barça 3 pontos à frente do Real Madrid na liderança do Campeonato Espanhol. A equipe merengue entra em campo hoje diante do Getafe pressionada para encostar no maior rival.

Messi passou um início de semana de euforia. A imprensa espanhola chegou a dizer que o meia-atacante seria o maior jogador de todos os tempos se continuasse atuando da mesma forma que na vitória por 4 a 2 sobre o Zaragoza, domingo (marcou três gols). Ontem o técnico argentino Diego Armando Maradona disse, exultante, que o jogador está amadurecendo muito rapidamente e reforçou a esperança de que o camisa 10 seja o principal astro da Copa do Mundo, finalmente desabrochando vestindo a camisa albiceleste, com a qual ainda não se destacou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.