Maiôs de alta tecnologia com os dias contados

Os EUA conseguiram ontem, durante congresso técnico do Campeonato Mundial de Esportes Aquáticos, uma pequena mas importante mudança nas regras da natação. Antes, a determinação era: "nenhum nadador tem permissão para usar ou vestir qualquer item que possa acrescentar velocidade, flutuação ou resistência durante a competição". Ontem foi incluído o termo ?roupa de competição? na frase, o que pode abrir precedente para que os maiôs com tecidos tecnológicos possam ser banidos no futuro. Hoje, em novo congresso, os americanos pretendem propor que o comprimento dos maiôs de competição não ultrapasse os ombros e os joelhos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.