Dida Sampaio/Estadão
Dida Sampaio/Estadão

Manaus é indicada como sexta sede do futebol na Olimpíada

Carlos Arthur Nuzman anuncia a cidade como palco do futebol em 2016 nesta quinta-feira e agora aguarda apenas a aprovação da Fifa

Marcio Dolzan e Sílvio Barsetti, O Estado de S. Paulo

12 de fevereiro de 2015 | 11h57

A cidade de Manaus será indicada pelo Comitê Rio como a sexta sede do futebol na Olimpíada de 2016. A informação foi dada no fim da manhã desta quinta-feira, em evento na sede do Comitê. Agora, caberá à Fifa - federação responsável pelo torneio de futebol na Olimpíada - aprovar ou não a indicação.

Além do Rio, que sediará os Jogos Olímpicos, outras quatro cidades já haviam sido anunciadas como prováveis sedes para o torneio de futebol - São Paulo, Belo Horizonte, Brasília e Salvador. Agora, Manaus entra na lista como sexta cidade.

O anúncio de Manaus foi feito pelo presidente do Comitê Rio, Carlos Arthur Nuzman. Ele estava sentado ao lado do governador do Estado, Luiz Fernando Pezão, e do presidente da CBF, José Maria Marin. O evento contou ainda com a presença do prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, e do vice-governador do Amazonas, Henrique Oliveira.

"Nós, comitês organizadores, temos ligação direta com todas as federações internacionais, e com elas nós propomos as sedes. É um trabalho integrado, e com o futebol não seria diferente", disse Nuzman. "Na candidatura, tivemos a indicação de quatro cidades além do Rio. Hoje, após um estudo muito grande e de um trabalho muito profundo que foi feito, o Comitê Organizador aprovou também a cidade de Manaus."

Segundo Nuzman, a escolha pela capital do Amazonas se deu pela representatividade da cidade. "No mundo inteiro a Amazônia tem repercussão como um dos mais importantes emblemas que o mundo tem."

Havia a expectativa do anúncio definitivo das sedes do futebol, mas antes do início do evento o diretor de Comunicação do Comitê Rio, Mário Andrada, comentou que houve um erro na divulgação do tema da cerimônia - o Comitê e a CBF apenas indicariam as cidades para a Fifa, que ainda dará a palavra final.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.