Manchester bate time japonês em jogo de oito gols

Equipe inglesa vence Gamba Osaka por 5 a 3 e pega a LDU na final

Yokohama, O Estadao de S.Paulo

19 de dezembro de 2008 | 00h00

Em uma semifinal com inesperado ingrediente de emoção, o Manchester United venceu o Gamba Osaka por 5 a 3 e garantiu vaga na decisão do Campeonato Mundial de Clubes da Fifa. A partida, movimentada e cheia de gols, foi um verdadeiro espetáculo para o público japonês,que esperava um duelo dominado pelos ingleses. Na etapa final, a entrada de Wayne Rooney e 3 gols em 5 minutos definiram a classificação do campeão europeu para pegar a LDU, do Equador, domingo. Com atuação discreta, Cristiano Ronaldo marcou, mas ficou longe de apresentar o futebol da última temporada, que deve consagrá-lo como o melhor do mundo pela Fifa, em janeiro. "Não jogamos tão bem no segundo tempo, mas vamos fazer melhor na final. Estaremos preparados para esta partida", disse o atacante português. A impressionante determinação dos donos da casa deixou a disputa equilibrada em alguns momentos. Em um cochilo, porém, o Gamba levou 3 gols no segundo tempo e deixou os ingleses abrirem 5 a 1 no placar. O time japonês ainda marcou duas vezes, no fim, para tirar a impressão de goleada e tornar mais justo o placar de um jogo em que não se curvou ao time de estrelas do Manchester.MÁFIA ESPANHOLAApós o jogo, o inglês Alex Ferguson negou os rumores de um acordo com o Real Madrid para a venda de Cristiano Ronaldo. "Vocês crêem que eu faria negócios com esta máfia?", questionou o manager. "Não lhes venderia nem um vírus".

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.